Fibrose: O pesadelo da Cirurgia Plástica

fibrose-cirurgia-plastica-fisioterapia
Ter um corpo bonito e saudável é o sonho de 10 entre 10 mulheres.

 

A cirurgia plástica associada a fisioterapia, bons hábitos alimentares e de atividade física regular é a principal aliada na conquista deste sonho. Na maioria dos casos ela permite esculpir o corpo de acordo com o desejo da cliente.

O desfecho esperado é um corpo modelado para usar roupas que valorizem suas curvas, mas também uma pele harmoniosa que transmita naturalidade quando em trajes de banho.

Entretanto, nem sempre, o resultado reflete o idealizado pela cliente.

Como em todo procedimento cirúrgico onde há cortes, suturas e manipulação de tecidos, o processo de cicatrização pode sofrer uma desorganização das fibras de colágeno ocasionando a FIBROSE.

A fibrose é o maior pesadelo das cirurgias plásticas e é mais comum do que se imagina. Caracteriza-se por ondulações, nódulos ou cordões na pele. Ocorre, por exemplo, em aproximadamente 83% dos procedimentos de lipoaspiração. Vale destacar que fibrose não é sinônimo de imperícia médica. A fibrose é consequência de características pessoais no processo de cicatrização e/ou da inabilidade de alguns “profissionais” ao manipular os tecidos no tratamento pós-operatório acarretando não só danos físicos, mas também emocionais.

Assim, a escolha de um profissional para atendimento no pós-operatório é tão importante quanto a escolha do cirurgião plástico.

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica(SBCP), em cumprimento à finalidade de “zelar pelo renome e conceito da cirurgia plástica, bem como contribuir para o seu progresso”, conforme preceitua o artigo 3°, inciso II, de seu estatuto, dirige-se à comunidade médica nacional para expor o entendimento da entidade a respeito do período pós-operatório de cirurgias plásticas recomendando que: “ tratamento do pós-operatório das cirurgias plásticas, tanto reparadoras quanto estéticas, seja realizado por fisioterapeutas”(Nota à Comunidade Médica, 04/11/2015).

Ter uma fisioterapeuta especialista cuidando do pós-operatório é como ter um joalheiro lapidando um diamante após a obra de arte feita pelo médico cirurgião.

Invista no melhor para realizar o seu sonho. Invista em um pós-operatório realizado por uma fisioterapeuta especialista!

 

Procedimentos utilizados no tratamento da Fibrose:

  • Terapia Manual
  • Taping em Cirurgias Plásticas
  • Eletroterapia
  • Exercícios Terapêuticos
  • Prescrição de talas, cintas e meias pós operatórias

 

A fisioterapia especializada promove:

  • Redução da dor
  • Controle do edema/equimoses
  • Evita trombose
  • Auxilia na cicatrização
  • Reabilitação respiratória e postural

 

Por: Dra. Séfora Fujimori
Fisioterapeuta
Crefito: 11/53234-F

 

  • rogerio-morale
Rolar para cima